Jornalismo imparcial

A imparcialidade do jornalismo brasileiro é uma coisa acachapante. Marcas de bala (muito suspeitas) num ônibus já ganham o status de “atentado contra a caravana do ex-presidente”, já um quase ASSASSINATO FLAGRADO POR CAMERAS DE VIDEO da militância agredindo um cidadão em bando torna-se uma simples “confusão quando um sujeito BATEU A CABEÇA CONTRA UM CAMINHÃO QUE PASSAVA”

Vocês entendem? É a coisa mais normal do mundo. Outro dia mesmo eu estava saindo do mercado quando o celular tocou e eu fui ver quem era para atender. Súbito, BATI A CABEÇA CONTRA UM CAMINHÃO QUE PASSAVA. Super normal. Quem nunca bateu a cabeça contra um caminhão que passava, que atire a primeira pedra.

Publicado por

O Lenho Verde

"Aquele que fala por si mesmo está buscando o seu próprio prestígio. Mas quem busca o prestígio daquele que o enviou é verdadeiro, e nele não há falsidade."

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s