Cinquenta tons de liberdade

– Miceli, eu nunca te pedi nada! Assiste Cinquenta tons de liberdade comigo?
– Gosto de filmes que me surpreendam.
– Mas esse filme é muito surpreendente!
– A mulher se apaixona perdidamente por um Homem com dinheiro?
– …Sim, mas não é só isso! Tem varios fetiches sexuais!
– Ela gosta de uns “bons tapas”… Mas só podem ser dados por um Homem com dinheiro. Fosse um pedreiro, seria denunciado por machismo, misoginia, abuso e violência contra a mulher.
– Nem é assim, tá? Ultimamente nós descobrimos que denunciar homem com dinheiro é muito melhor! Bem mais lucrativo! Dá fama, status, dinheiro com processinhos….
– …
– E não precisa nem dos “bons tapas”, a gente inventa mesmo, ou até se bate.
– …
– Enfim, vai ver o diabo do filme comigo ou não?
– Você acabou de falar em casos forjados de assédio… não me sinto seguro.
– Ei! Cai na real! Você é “mó” pobre! Que que eu ganharia te denunciando? Tenho até vergonha de sair com gente pobre assim.. não conto pra ninguém! Deus me livre!
– …
(Demo Danado) – Ela tem uma boa argumentação…
– Devo ir?
(Demo Danado) – Sim.
– Ok, fulana, vamos assistir a Cinquenta tons de liberdade…

Publicado por

O Lenho Verde

"Aquele que fala por si mesmo está buscando o seu próprio prestígio. Mas quem busca o prestígio daquele que o enviou é verdadeiro, e nele não há falsidade."

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s