Liberdade oriental

A confusão na Universidade Federal de Pernambuco entre Direitistas e Esquerdistas mostra com clareza o modus operandi destes últimos. Estando em maioria, os esquerdos provocam o conflito (tivessem em minoria, seriam dóceis como ovelhas) Mesmo estando em maioria, apanham, devido ao coeficiente de covardia e pusilanimidade de quem acostumou-se a viver uma vida repleta de vitimizações. Uma vez tendo apanhado, eles colocam as mulheres na primeira fila como “cordão de proteção”: caso uma delas seja acidentalmente atingida, o discurso de “machismo e agressão contra mulher” estará garantido (se puder ser uma mulher pertencente a alguma “minoria”, melhor ainda: assim o discurso de “racismo”, por exemplo, também estará garantido)

Enfim, estava tudo preparado: a cilada estava armada contra o “Homem branco Europeu” e contra o “negro capitão do mato de alma branca”, como chamam pejorativamente todo afrodescendente conservador. Mas eis que surge um japonês. Sim, meus amigos, um japonês. Os Esquerdos procuraram imediatamente na lista de rótulos incriminatórios algum termo ou jargão para rechaçá-lo, mas não encontraram. O japonês, então – gozando da liberdade da raça até então não rotulada pela militância esquerdista – desferiu socos e pontapés. Era ali o único livre para fazê-lo, e o fez. Sozinho – e aqui repito o que dizem – “deitou” duas dezenas de esquerdistas, que atemorizados, após a peleja, constataram: “precisamos falar sobre os japoneses”

Publicado por

O Lenho Verde

"Aquele que fala por si mesmo está buscando o seu próprio prestígio. Mas quem busca o prestígio daquele que o enviou é verdadeiro, e nele não há falsidade."

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s