Homem comum versus iluminados

A filosofia prevalente moderna nos diz que o Homem é capaz de “criar a sua própria Realidade”. Mas esta mesma filosofia nos diz que “o Homem é produto do meio em que vive” Daí podemos imaginar que haja uma contradição monstruosa entre “ser capaz de criar seu meio” e ser simplesmente “produto do seu meio” Mas não se enganem. A proposta é a seguinte: Alguns, os “iluminados”, criam o Mundo à sua imagem e semelhança através de toda espécie de engenharia social. Todos os demais, o “homem comum” ou o “homem massa”, são simples produtos destas engenharias sociais. E poderão perguntar: “Miceli, quem decide quem é iluminado e quem é homem comum?” É por auto-declaração. E, curiosamente, nunca vi alguém se auto-declarar “homem massa”…

Publicado por

O Lenho Verde

"Aquele que fala por si mesmo está buscando o seu próprio prestígio. Mas quem busca o prestígio daquele que o enviou é verdadeiro, e nele não há falsidade."

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s