Museu de grandes novidades

“Desordem para chegar a Regime Sindicalista!”
“Comunização do Brasil!”
“Dinheiro Chinês para aniquilar o Brasil!”

Estas manchetes soam atuais, reverberam aos ouvidos como atuais. E de fato são atuais: – Manchetes atuais de um jornal de 1964.

Acredito que estes fatos históricos não tenham sido ensinados para nós em sala de aula. Um povo sem memória, seja por falsificação da história ou por ignorância pura e simples, repete ciclicamente seus próprios erros. E assim também o é na vida pessoal, de cada um. O mesmo Princípio incide sobre esferas ilimitadas da Realidade; do micro para o macro, ciclos após ciclos, o Principio é o mesmo.

Alias, como sempre me ocorre, isso fez-me lembrar de um ensinamento interessante de um certo nazareno. Foi-lhe perguntado como seria o fim de todas as coisas:

“‘Dize-nos: – Como será o nosso fim?’ Jesus respondeu: –  ‘Haveis, então, discernido o Princípio, para que estejais procurando o Fim? Pois onde estiver o Princípio, ali estará o Fim. Feliz daquele que tomar seu lugar no Princípio; ele conhecerá o Fim, e não provará a morte.'”

Publicado por

O Lenho Verde

"Aquele que fala por si mesmo está buscando o seu próprio prestígio. Mas quem busca o prestígio daquele que o enviou é verdadeiro, e nele não há falsidade."

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s